Diretoria do Botafogo mostra-se interessado em ajudar esposa do ídolo alvinegro Nilton Santos

Mauricio Assumpção afirmou que o Glorioso procura um jeito de arrecadar dinheiro para ajudar a esposa de Nilton Santos, dona Célia, que, após anos cuidando do ídolo alvinegro, foi diagnostica com câncer no cérebro e está com a saúde debilitada há alguns meses. O Glorioso cobre os custos da internação permanente e também dos remédios de seu eterno camisa 6 (portador dos Mal de Alzheimer e de Parkinson), mas não os dela. A compra do acervo histórico da época de jogador, hoje em posse de um amigo, que o recebeu de presente, é um dos caminhos.

O mandatário detalhou a situação, nesta segunda-feira, no Maracanã, após o anúncio do novo movimento de união comercial dos quatro grandes clubes do Rio, denominado “Cariocas”.

– Primeiro, preciso deixar claro o seguinte: desde a gestão do Bebeto (de Freitas) – não começou com o Mauricio isso -, o Botafogo encampou a ideia de ajudar de todas as formas possíveis seu grande ídolo. Um homem que só vestiu duas camisas na vida: a alvinegra e a da Seleção Brasileira. Quando assumimos, não tivemos dúvidas em manter esse procedimento. Ou seja, tudo relacionado ao Nilton Santos é nossa responsabilidade, e vai continuar assim. Ele merece. Está lá na clínica na Gávea, com assistência dia e noite para que não falte nada. Agora, a questão da dona Célia é bem diferente. A questão do acervo é mais delicada. Não será para ontem, mas tentaremos ver se podemos viabilizar a compra – confirmou Assumpção.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em botafogo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s