Time e Torcida do Glorioso dão um show no Engenhão

A torcida do Glorioso compareceu à vitória deste sábado, contra o Bangu em bom número, e os mais de 17 mil alvinegros que foram ao Engenhão bateram o recorde de público (19.786 pessoas) do Clube no ano.

A pressão inicial que o Botafogo colocou sobre o Bangu acendeu as arquibancadas. Até jogadores que andavam em baixa com os torcedores foram aplaudidos. Foram os casos de Andrezinho, um dos mais celebrados antes do apito inicial, e Elkeson, ovacionado ao deixar a partida ao final do jogo.

Loco Abreu, que voltou ao time titular e também não vinha com muito prestígio após a sequência de pênaltis desperdiçados, foi festejado como em seus melhores dias. Com três gols decisivos, o ídolo uruguaio selou a paz com os alvinegros. Quando perdeu um pênalti, o atacante sentiu um silêncio por alguns segundos, mas teve seu nome gritado pelos botafoguenses. Aos 39 minutos do segundo tempo, deixou o campo sob aplausos. E os retriubiu batendo no peito.

Pela primeira vez no ano a torcida do Botafogo chamou a “ola” durante o jogo, diante de um palco mais bem distribuído – a média em casa vinha sendo de seis mil por jogo. O ritmo só diminuiu um pouco após o gol contra de Lucas – o primeiro do Bangu na partida -, que causou a apreensão. Mesmo assim, o contestado lateral recebeu tímido apoio das arquibancadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em botafogo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s